jump to navigation

Heavy Rain – O poder da decisão Março 10, 2010

Posted by nunomachado in Análises, Playstation 3.
trackback

As consolas da nova geração obrigaram os produtores de jogos a seguirem novos caminhos, para gáudio dos jogadores. Felizmente, as inovações começam a surgir, desde jogos com mais de 200 jogadores em competição simultaneamente até títulos que mais parecem filmes do que jogos. “Heavy Rain” encaixa na categoria de inovações por ser, provavelmente, o jogo mais perto da realidade alguma vez produzido. O jogador é colocado no papel de quatro personagens e terá que tomar diversas decisões que irão construir a história final. Existe um ponto de partida em “Heavy Rain”, mas o final será sempre diferente, se as decisões tomadas diferirem.


Num ambiente escuro, onde a chuva cai intensamente e sem parar, várias crianças estão a desaparecer, numa cidade da costa leste dos EUA, vítimas de um assassino, The Origami Killer. A última criança, Shaun Mars, não tem muito tempo e será ela o objectivo primordial do jogador. Para descobrir as pistas para a resolução do caso, será necessário encarnar quatro personagens diferentes. Ethan Mars, personagem principal, é o pai da criança desaparecida, um homem amargurado e desesperado em busca do filho. Madison Paige é a típica fotógrafa curiosa que, passado algum tempo, vai sofrer mais com o caso do que esperava. Scott Shelby é um detective privado que procura fazer o trabalho que a polícia não conseguiu até ao momento. Norman Jayden é um agente do FBI que procura deslindar o caso e, ao mesmo tempo, resolver algumas questões de trabalho com outros agentes. Pela apresentação das personagens, é fácil de entender que cada uma delas tem uma motivação diferente neste caso, mas que cada uma delas irá fornecer informações valiosas para as nossas decisões.


A grande surpresa deste jogo está na jogabilidade. A forma como a Quantic Dreams, produtora do jogo, integrou os Quick Time Events (pequenos mini-jogos) na acção é completamente inovadora. Todos eles contribuem para o desenrolar da história e não são meras peças perdidas do puzzle. Ao mesmo tempo, todas as restantes acções a serem tomadas levam o jogador a envolver-se na história, encarnado um papel como nunca foi feito em nenhum outro jogo. Por momentos, o jogador sente, realmente, que é o “pai” de Shaun, assumindo todos os sentimentos de frustração, amargura e desespero. É assustadoramente real. Por outro lado, como “Heavy Rain” é baseado nas decisões do jogador, não é apenas um jogo, mas uma infinidade, pois pode sempre ser jogado de forma distinta.


Assustador é também o ambiente e o aspecto gráfico do jogo. O nível de realismo arrepia e fica a sensação de estar num policial bem negro. A chuva, a escuridão da cidade, o dramatismo das personagens. Tudo é retratado excepcionalmente, nem aspecto gráfico assombroso. As próprias personagens estão detalhadas na perfeição e as animações são do mais real que já se viu nesta indústria. A cereja no topo do bolo está no som, com vozes portuguesas bem conhecidas, que aproximam ainda mais a narrativa do jogador. Cláudia Vieira, Pedro Lima, Pepê Rapazote, Vitor Norte, Marco Delgado e Leonor Seixas foram os nomes que deram as vozes às personagens, aumentado ainda mais o interesse em “Heavy Rain”. Também a banda sonora acompanha o dramatismo da acção, como se de um filme realmente se tratasse.


Resumindo, estamos perante algo completamente novo na indústria dos videojogos. Mais do que tiros, explosões e lutas corpo-a-corpo, “Heavy Rain” leva o jogador para uma experiência completamente diferente. Uma espécie de realizador de um filme misturado com o narrador de uma história e o actor que encarna a personagem. Obriga a pensar nas decisões tomadas, como se da vida real se tratasse. Tudo num ambiente gráfico e sonoro de excepção, num jogo que inaugura um novo estilo, algo muito perto de um filme interactivo.

Comentários»

1. Nelson Roque - Março 10, 2010

Bom artigo, continua ssim!

PS: Gostei do novo “look”!

2. nunomachado - Março 10, 2010

Obrigado


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: