jump to navigation

Just Cause 2 – Agente caótico Abril 19, 2010

Posted by nunomachado in Análises, Playstation 3.
trackback

O primeiro título pecava pela falta de substância, mas já com alguns princípios que foram aprimorados para esta sequela. Uma jogabilidade aceitável e uma qualidade gráfica cuidada eram os melhores atributos de “Just Cause”. A Avalanche Studios, produtora do jogo, aproveitou as melhores qualidades do primeiro jogo, melhorou-as e introduziu muitas e boas novidades para este “Just Cause 2”.

O irascível Rico Rodriguez é mais uma vez o protagonista, continuando a primar pelo mau feitio, piadas corrosivas e violento até mais não. Desta vez, a missão de Rico, agente da Agency, é mais pessoal. O seu grande mentor, Tom Sheldon, está desaparecido e existem indícios que se tornou num agente que virou “a casaca”. Rico parte em busca de Sheldon para confirmar estas suspeitas e viaja até Panau, uma ilha no sudeste asiático. Aqui vai encontrar uma guerra entre um ditador e três facções distintas: os Roaches, tipícos guerrilheiros urbanos; os Reapers, grandes defensores dos valores de Che Guevara; e os Ular Boys, xenófobos, mas defensores da natureza. É no meio desta confusão política e militar que Rico irá realizar diversas missões, qual delas a mais movimentada, efectuando as acções mais mirabolantes que podem ser vistas num videojogo.

O dinheiro é um dos aspectos mais importantes neste jogo. Serve para Rico comprar quase tudo, desde armas a aviões, o que torna esta aventura pelo amealhar do vil metal uma tarefa divertida. O melhor é que todos os produtos comprados podem ser entregues a qualquer momento, mesmo durante um tiroteio ou outras acções mais movimentadas.

Na jogabilidade, tudo se resume a um objecto, o gancho. Além de ser uma excelente ajuda na locomoção, pois permite ultrapassar facilmente qualquer obstáculo em altura, serve também como arma. Também o pára-quedas está sempre presente para dar uma ajuda nos movimentos de Rico, o que torna as missões ainda mais divertidas. Tudo com comandos muito simples, após alguns minutos de adaptação. O protagonista tem ainda a oportunidade de conduzir vários veículos ou mesmo pilotar aviões.

As missões são muitas e todas elas com muita acção. Rico percorre quase toda a ilha, com uma dimensão considerável, e espalha o caos por onde passa, pois os seus métodos são pouco ortodoxos. A grande novidade está na flexibilidade que o jogador tem em fazer o que quer, explorar, combater, voar, etc. À medida que vai completando missões, mais zonas da ilha vão estando disponíveis para Rico fazer estragos, algo em que é perito. Os cenários são paradisíacos, com paisagens espectaculares. Panau é uma autêntica palete de cores, principalmente quando é vista do ar, ao viajar em cima de um avião ou a planar de pára-quedas.

A qualidade gráfica é agora ainda mais apurada que no primeiro jogo. As cores, as texturas, as animações foram produzidas de acordo com o espírito do jogo, movimentado e divertido. Nada é cinzento e tudo tem um aspecto muito agradável. A ilha perde-se de vista e as explosões foram bem trabalhadas. Também o som ajuda ao espírito do jogo, com trilhas sonoras movimentadas e bons diálogos.

“Just Cause 2” não é um jogo perfeito, mas é um divertimento de primeira. Sofre de alguns defeitos gráficos (um guarda aponta uma rama de tal forma que mete a mão dentro do corpo de Rico…), também o som não está isento de falhas e algumas acções nas missões podem tornar-se repetitivas, como a recolha de itens. Mas, “Just Cause 2” é dos jogos mais divertidos do ano para a PS3, com muitas armas, muitos veículos, muitas explosões. Existe muita liberdade para o jogador efectuar o que quer, Rico é uma personagem forte e a possibilidade de criar o caos é uma oportunidade que o jogador não pode desperdiçar, num jogo para várias horas.

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: